Início » Frescobol de Alto Desempenho

Frescobol de Alto Desempenho

Frescobol

Patrimônio imaterial da Cidade do Rio de Janeiro.

fale conosco

Instrutores perto de Você

A.F.R.O.

Coração Valente

Arena Pôr do Sol da Lagoa

Viciados por Frescobol

Garagem Búzios

Arena Araruama

Itacoatiara FrescobolArte

G-FIG

ACAFRE

Arena Santista

Arena Praia Grande-SP

ASFRET – ASSOCIAÇÃO DE FRESCOBOL DE TAMBAÚ

Equipe Olinda – PE

Arena Candeias PE

Equipe São Luís – MA

FamiliaFrescobol-Salvador-BA

FamiliaFrescobol – Brasília

Amigos Apaixonados pelo Frescobol – Salvador-BA

Vilas do Atlântico

Frescobol London

FRESCOBOL GREECE

Frescobol Portugal

Frescobol Itália

Estatísticas do Portal

  • 94.807 Visitantes

Confira uma entrevista realizada com mais um grande Campeão do circuito do Frescobol Brasileiro.

O Portal Mais Frescobol recebe o “acrobático” Marcelo Silva – Marcelinho. Confira!

 

MaisFrescobol: Fale um pouco de você e a sua relação com o Frescobol:

Marcelinho: Sou da cidade de Santos, litoral de São Paulo. Terra de grandes atletas de Frescobol Competição como, Edu Fernandes,  Carla Greco, Cleyde, Márcio Tranquez entre outros…minha trajetória começou a 20 anos e meu primeiro torneio em novembro de 1998. Hoje,  vivo Frescobol, vivo para o Frescobol e vivo do Frescobol. Ou seja, o Frescobol representa minha vida, atingindo diretamente as pessoas próximas à mim.

Marcelo_002

MaisFrescobol: Como um Atleta de frescobol pode elevar o seu nível de jogo para um desempenho superior?
Marcelinho: Fala se muito em competições, atletas, campeões etc, porém falamos pouco da necessidade de levar o esporte à sério. Para isso é necessário mostrar para o “mundo” que frescobol também se treina. E deixo aqui uma dica: Treinar não é jogar. As vezes, treinar e chato, cansativo e difícil,  devido ao estilo de vida de cada um. Mas, treinar é preciso. Para isso existem pessoas dedicadas e responsáveis que ministram treinos técnicos e físicos. Pergunte a um “profissional” se ele quer tocar 500 bolas no paredão? . A galera tem um conceito ainda muito descompromissado quando o assunto é “agir como atleta“. Observem que disse “agir” e não SER. Quando começarmos a massificar a visão do Frescobol sério no quesito treino, vamos começar a ter mais adeptos com interesse em desfrutar da experiência de ser atleta, mesmo que “amador”.
Marcelo_001
MaisFrescobol: Deixe uma mensagem para quem deseja migrar do Frescobol Lazer para o Frescobol Competição:
Marcelinho:A mensagem é a seguinte:
Mesmo estando em um esporte Amador, como o Frescobol, nada te impede de pensar e agir como um ATLETA PROFISSIONAL (claro, respeitando as histórias de vida de cada um). Se o objetivo é competir, e surgiu a oportunidade,   tenha certeza que o maior adversário é você mesmo. Ou seja, Se você e seu parceiro saírem satisfeitos com a apresentação, esta aí o primeiro troféu.
Marcelo_003